quinta-feira, 28 de abril de 2016

Elogio da Loucura - Erasmo



Elogio da Loucura - Erasmo de Roterdã - 
Li esta obra em 1962, data neste livrinho precioso,
 um dos meus clássicos. Reli algumas vezes.        

Tempo de espetáculos grotescos e discórdias, ódios em díspares pensares, me dirijo para outras instâncias. Faço como autores que me foram caros, me formaram. Um deles Erasmo, meu amor (1469-1536).
" Ninguém pode escolher os próprios pais ou a pátria,
 mas cada um pode moldar sua personalidade pela educação"

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Nenhum comentário: