Páginas

domingo, 29 de junho de 2014

Copa do Mudo, um Conto de Fada?!


Povos tantos se abraçando!
Para nosso dramaturgo, Nelson Rodrigues, a bola era um ridículo detalhe. O que estava em jogo era o ser humano atrás da bola.
Ah, não é bem assim. Concordo com ele quando disse que o mais importante era a complexidade da existência no campo, mais que a diversão e o ganhar o jogo. Para mim que entendo tão pouco, a bola, símbolo da totalidade, é ponto convergente de tantas tensões e alegrias neste momento em que o planeta, querendo ou não, olha seu entorno com espontânea fraternidade; nada de classes, segregação, raças, etnias, religião ou dogmas.
Acolhimento afetuoso até para com os perdedores. Tudo é razão de festa nos estágios, nos bares, nos telões, nas residências, nas ruas... 
e todos foram felizes para sempre.
______________________________

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Tucanos torcendo - Brasil x Camarões

 Pela manhã, hoje, aqui no Principado de Santa Teresa 
surpresa - belos Tucanos cantavam o hino da natureza!
A Bola rola...
Brasil e Camarões – para a bela Festa foram convidados:
Maravilhosos Camarões, Sardinhas, Lagostas, Cavalos marinhos e Algas, Tubarões, Golfinhos, Linguado e Garoupa, Bacalhau, Arenque, Namorado, Manjuba e Dourado, Mexilhões, Cardiidae e Ostra, Pescadinha, Salmão, Lula, Badejo, Sereias, Ninfas e Iemanjá,
Polvo aos montes, etc. e tal.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

quinta-feira, 19 de junho de 2014

Feliz Aniversário Chico Buarque !


Chico Buarque
Grande Homem
Grande Músico
Grande Letrista
Consciência Política
Brasilidade  / Humanidade
Felizes 70 Belezas de Vida Plena
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

quarta-feira, 18 de junho de 2014

A Festa da Copa - a BOLA rola, os povos se olham, vibram, gritam, brindam


Encontrei, nos meus guardados, precioso artigo do médico psiquiatra e analista (psicologia de C. G. Jung) Carlos Amadeu Botelho Byington -
O Arquétipo da Alteridade e A riqueza do Futebol. 
Transcrevo a abertura do artigo e seu final

 “Para certo tipo de intelectual, o futebol não passa de um poderoso instrumento de alienação. Na verdade, o futebol é um grande ritual do povo. Através dos jogadores, da bola, da vitória e mesmo da derrota, cada torcedor vai revivendo de forma simbólica e altamente emocional os grandes lances de sua própria existência”. 
... termina
    “O Arquétipo de Alteridade, que se expressa de forma tão exuberante no futebol, reunindo de maneira criativa o Arquétipo Matriarcal do time, do suor, do prazer, inclusive da cervejinha gelada e o Arquétipo Patriarcal da organização, do orgulho, da honra, da ambição e da responsabilidade, pode ser expresso também no reforço da identidade das pessoas através da humanização pela sua participação comunitária”

 - Artigo escrito para a Revista de Psicologia Atual, Ano 5, nº 25, em julho/1982 e revisto em 2000. Dedicado a Pelé, Edson Arantes do Nascimento, o Atleta do Século Vinte.
_____________________________________________________

terça-feira, 17 de junho de 2014

Festa da Copa


Solidária com a FESTA DA COPA.
Não fui a favor da Copa aqui no Brasil
com gastos de milhões.
Nem aqui, nem em lugar algum
estes milhões merecem aplausos.
Já que decidiram... escolheram...
confraternizo com todos os povos,
nossos irmãos do Planeta Terra.
Quieta no meu canto e tranquila
acompanho os hinos, as tensões
e a bola, símbolo da totalidade, correndo, girando
É a dona da história. 
      ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

sábado, 14 de junho de 2014

Cântico dos Cãnticos

              Epílogo

Quem é essa que sobe do deserto
apoiada em seu amado?

Sob a macieira te despertei,
lá onde tua mãe te concebeu,
concebeu e te deu à luz.

Grava-me
como um selo em teu coração,
como um selo sobre o teu braço;
pois o amor é forte, é como a morte!
Cruel como o abismo é a paixão;
suas chamas são chamas de fogo
uma faísca de Iahweh!
As águas da torrente jamais poderão
apagar o amor,
nem os rios afogá-lo.
Quisesse alguém dar tudo o que tem
Para comprar o amor...
Seria tratado com desprezo. 

    [Cântico dos Cânticos de Salomão / 8,6-7]
~~~~~~~~~~~~~~~~

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Performance dia 7 de junho - Casa das Palmeiras


Dia 7 de junho, sábado, farei uma Performance -
Homenagem - Alegoria a Jaime. 
Às 16h (em ponto)  Martha Pires Ferreira

Rua Sorocaba 800
Botafogo - Rio de Janeiro
~~~~~~~~~~~~
Exposição OLHARES
mostra de trabalhos dos 
ateliês de artes
Visitação aberta ao público
Das 14h às 20h / Palestras ás 17h
(21) 2266-6465

Programação: Face book -
Olhares Casa das Palmeiras